segunda-feira, fevereiro 26, 2007

***HOMENAGEM A MEU AMIGO PETER, PORQUE NEM SO' EM ANIVERSARIOS SE MERECEM HOMENAGENS***








[***MAIS VALE TARDE QUE NUNCA dizia minha avo' entao, ATRASADOS MAS AQUI ESTAO OS PARABENS CARISSIMO PETER***]

{POIS BEM, *O CARISSIMO PETER8, NAO E' ANIVERSARIANTE AGORA; E, EU, ESTOU FICANDO SENIL!!!
Mas, faz Muito e Muito tempo, que desejo fazer-Lhe aqui uma modestissima Homenagem, a semelhanca do que tenho ja' feito com OUTROS AMIGOS. E, entao, aqui FICA *TUDO* excepto, os "PARABENS"; que ficam, salvo erro, mais para *Setembro* que, se minha pessima memoria me nao trair, era proximo do meu! alias!(?)... Ate' penso, que era no dia de Aniversario de meu segundo Filho; e, eu, fui "INVENTAR"... que era no da minha Filha:_ coisas da minha GALOPANTE SENELIDADE_!...

_PERDAO AO PROPRIO_*AMIGO PETER_! E, a quem por minha CULPA, teria sido induzido a ERRO!

Heloisa, EM ADENDA A POSTAGEM ANTERIOR QUE FICA EXACTAMENTE COMO ESTAVA!!!]


AS ASAS DE PASSARO
IMAGEM RECOLHIDA NO SITE DE JOAO BATISTA
AQUI:
http://joaobatistalago.multiply.com/journal/item/25





_CARISSIMO AMIGO*,
Acabo de sair do *****CONVERSAS DE XAXA IV*****
e, e' la' que tomo conhecimento de Seu Aniversario que coincide exactamente com o dia de anos de minha filha!

Ficam aqui os meus PARABENS e votos de que cada DIA que passe seja um dia prioritariamente de alegrias e de SAUDE!

Uma vez que isto e' uma Homenagem a "Destempo" vou primar pela extrema simplicidade porque, o que conta aqui e' o afecto que lhe fui ganhando no decorrer destes anos! Entao, nao achei nada melhor que utilizar SUAS PROPRIAS PALAVRAS LA' NO SEU (NOSSO) CONVERSAS DE XAXA (O QUARTO)!

Aqui Lhas deixo! Ah! e, nao consegui abrir os Comentarios nesata Postagem que aqui vou deixar a COPIA!

_Aproveito ja' a oportunidade, para dizer a TODOS OS LEITORES E AMIGOS, que por aqui tem passado (quer deixem comentarios ou nao...) ,que eu tenho estado impossibilitada de abrir meus blogues e os respectivos comentarios( tanto neles como em qualquer ESPACO cujos comentarios ejam da BLOGGER)!_ Nem sequer tenho conseguido abrir a minha caixa de correio do Hotmail_!

Esta semana, que vim para Londres, a fim de passar aqui o aniversario de minha Filha. Entao, no computador de meu filho, e... com o "Mozilla Firefox2, e' que tive acesso aos blogues e aos comentarios; etc...!
Agora, estou tentando responder a cada um de VOS que me escreveu!
_DESCULPEM-ME TODOS, A MINHA AUSENCIA!

Apos esta nota explicativa, continuemos entao com o ESTIMADO PETER*****!

_AQUI FICA SEU PROPRIO POST (Perdoe te-Lo copiado sem Sua autorizacao! Mas, se Lhe fosse pedir, perdia a graca da SURPRESA_!

{{{{{_SEJA FELIZ MEU AMIGO E CONTE MUITAS VEZES MUITAS *RISONHAS PRIMAVERAS*!!!!!}}}}
AS RISONHAS PRIMAVERAS MANTENHAM-SE NA MESMA, PORQUE AFINAL *ELAS* AS RISONHAS PRIMAVERAS, ESTAO DENTRO DE SI MESMO!!!!!
_Com toda esta minha confusao eu ja' RI DE VONTADE!
E, para complicar esta "coisa aqui" nem tem caracteres coloridos para eu poder DESTACAR as partes anteriores e as de hoje que escrevo ja' em 28 de Fevereiro!
Enfim... perdoem-me TODOS por esta confusao!
#########################
Aproveito para agradecer ao meu muito *QUERIDO E PACIENTE AMIGO HENRIQUE SOUSA*, QUE PASSOU UM "TEMPAO", PARA SATISFAZER O MEU DESEJO DE COLOCAR ESTE NOVO *SOM DE ENTRADA*! OU SEJA:_ *POEMA DE FERNANDO PESSOA* E *VOZ*_VOZ_ DE *HENRIQUE*_!

_OBRIGADA HENRIQUE* e... perdoe-me, por gentileza, eu ser tao, mas tao... "chata"_!
++++++++++++++++++++++++++++
_AQUI FICA TAMBEM UM GRANDE ABRACO A MINHA QUERIDA *BLUEGIFT*; QUE, FOI QUEM COLOCOU O OUTRO(OS) *SOM* E ME TEM DEDICADO HORAS DE SEU PRECIOSO TEMPO, TENTANDO ARRANJAR ESTE "HELOISA CONVERSANDO...", O QUAL, TEM ANDADO MEIO "AS AVESSAS"... PARA FAZER JUS A SUA AUTORA QUE ANDA, DE FACTO, TOTALMENTE AS AVESSAS!!!!

BEIJINHO *ANA/BLUE*!!!

E, QUE O *****CONVERSAS DE XAXA IV*****, CONTINUE A SER AQUELE *ESPACO* CINCO ESTRELAS, ONDE OS AMIGOS SEMPRE DESEJAM VOLTAR!

_PARABENS AO *PETER*, AGORA, NAO PELO ANIVERSARIO; MAS SIM, POR MANTER HA' ANOS AQUELE *ESPACO*, SEMPRE EM CRESCENDO! E, CONTANDO COM A PRECIOSA COLABORACAO DA *BLUE* SEMPRE *DECORANDO, ENFEITANDO A CASA* E... *ABRILHANTANDO_A*, COM SUAS SEMPRE INTELIGENTES INTERVENCOES ESCRITAS*****!!!!!!!!

MEU ABRACO FRATERNO!
+++++++++++++++++++
*****************
AQUI ESTA'
SUA POSTAGEM:

"Sábado, Fevereiro 24, 2007
Nostalgia

Na minha vida gravo com uma certa nostalgia certos momentos e palavras que dificilmente esquecerei.

Sentir a vida passo a passo e nunca deixar de lutar, nem nunca deixar que alguém, sob qualquer pretexto mais institucionalizado, nos impeça de viver cada idade, cada momento da vida.

Creio que isso me está a ajudar muito a viver o dia-a-dia e a achar estranho como é que pessoas mais novas que eu, detestam fazer anos e se lamentam, afirmando já estarem velhas. Só espero conseguir continuar a viver como até hoje e nunca me sentir mal por fazer anos (não sei se irei continuar a dizer isto...).
Sinto-me porém um pouco como a remar contra uma maré para onde os outros me querem puxar para ficar igual a eles. Não é fácil ser diferente, mas acredito que só se for diferente poderei continuar a sonhar toda a vida.

”Tudo na vida tem o seu preço, mas por vezes um simples instante vale uma vida inteira”


Uma vez disseram-me isso.

Nunca mais o esqueci.

conversa lançada por Peter | 2/24/2007 01:11:00 AM | 10 em conversa "

************************

MEU ABRACO MUITO MUITO AMIGO!

Heloisa B.P.

(Aquilo que eu aguardava para Lhe enviar, chegou na sexta-feira, mesmo antes de eu partir de viagem! Ao regressar a BATH, na proxima sexta_feira, irei imediatamente, envia'-LA por correio!

Chegara' na outra semana as SUAS MAOS!}

#####(Funciona assim como "Pequena Lembranca de Aniversario em "ATRASO")####
#####COM OS SEM ANIVERSARIO, CHEGARA' DO MESMO MODO, COMO ESTAVA PARA CHEGAR!!!!####

_ESTOU RINDO!
{NESTE MOMENTO, ESTOU AINDA RINDO MAIS COM O TAMANHO DA MINHA IDIOTICE! E.... DESEJANDO QUE, QUEM CHEGAR A LER #ISTO#, CHEGUE A PERCEBER ALGUMA COISA, ou ENTAO, E' BEM CAPAZ SAO BEM CAPAZES E' DE DESEJAR INTERNAR-ME COM "URGENCIA URGENTISSIMA"!!!!!
_FIQUEM POIS, TODOS EM ALEGRIA E SAUDE!!!}
.......................................


Deixo-Lhe agora um *POEMA* que UM BOM AMIGO me DEDICOU (a mim e ao HENRIQUE e que eu Lhe dedico agora a SI*!)!

*****POEMA DE JOAO BATISTA DO LAGO*****

Por João Batista do Lago

Preciso das asas de pássaro

Para viajar minha eternidade

Ser companheiro do tempo

Vagar como a luz

Até encontrar os mundos

- diaspóricos mundos –

Mas que me talham em cada dia

Nascido de cada noite

Preciso das asas de pássaro

Para encontrar o amor sem tortura

Amá-lo como se ama a liberdade

Do ar que sustenta os corpos

Num equilíbrio de vadias perenidades

- anárquicas vadias perenidades –

Mas que me talham na alma

A consciência superior de querer-te

Preciso das asas de pássaro

Para ser o sujeito do ser

Assegurar as doidivanas virtudes

Desde o primeiro tempo... Desde a primeira luz...

Até encontrá-las loucamente amantes

- eternamente amantes –

Mas que me talham de toda Justiça

E de mim possam transcender-se

Preciso das asas de pássaro

Para seguir meu caminho errante

Ser eterno companheiro da vida

Com olhos e amor (de eterno amante)

Que se entregam às virgens do saber

- mistéricas virgens do saber –

Mas que me talham na alma a

Gênese da consciência e da justiça... E do amor


****************

E... MAIS *ESTE* DO PROPRIO *HENRIQUE*




20 Julho 2006

Poema

Só sei que nada sei,
Devia mudar-se a lei.
Sei que nada mais sei.
Sabê-lo-ei? Não sei,
Nem sei que não sei.
Não sei que nada sei!
Sei nada! Nada sei!

O meu saber é nada
A mente está avariada.
Ânsia de saber se sei. Já sei:
Sei que queria saber se sei…

Acho melhor abolir-se o verbo saber
Algo não bate certo,
Saber nada é saber decerto
Não saber é igual a saber
Mas A e não-A não pode ser
É falso! SEI que assim é certo.

Não, ninguém pode saber
Saber é impossível!
Também crer e conhecer.
A consciência é impossível!
Pois ter consciência é saber

A sensação é o assunto
Sinto o pensamento
Mas não posso saber que sinto
Sinto um acontecimento
Não sinto a sensação sentimento
Só se a sentisse eu poderia saber que sinto
Mas se sinto que sinto,
Também sinto que sinto que sinto….

Infinitamente sentir que sinto,
Isso seria talvez o saber?
Só Deus o pode saber
Deus é a sabedoria, penso.


*****POEMA DE HENRIQUE SOUSA*****
*********************************************REESCRITO EM PEQUENAS *ADENDAS* EM 28/02/07***
******************Heloisa B.P.
*****************************

6 comentários:

Peter disse...

Heloísa

Que há-de dizer um "não-aniversariante" (10 Setembro) perante tão bela homenagem?

Confesso que fiquei "encabulado", como dizem os brasileiros.

Belo, belíssimo, tudo belo: as gravuras, o teu texto (imerecido) e os versoa do n/comum amigo Henrique que, além do modo perfeito como os declama com a sua bela voz, não sabia de também ser poeta.

O meu muito e muito obrigado, com votos de melhor saúde.

Amigo Peter

Isabel-F. disse...

Oi Heloisa....

Linda homenagem a que me junto.
Gostei imenso ...do Post ... dos poemas ... de tudo ...

beijinhos para ti

bluegift disse...

Heloísa, leio estes posts sempre com imenso prazer, não tivesse a Heloísa uma escrita irresitível à qual é impossivel ficar indiferente.
Olhe que ,mesmo assim, eu consigo ser ainda mais despistada que a minha muito querida Amiga :) Nem imagina...
Lembrei-me da "Alice no País das Maravilhas" e da celebração muito merecida do "unbirthday day"!
Eu não faço a mínima ideia de qual o dia em que o Peter faz anos, mas talvez agora ele nos revele o segredo ;)
Um beijo para si.

Nilson Barcelli disse...

Ainda não conseguiu resolver os problemas de acesso ao blogue?
Eu já tinha lido há dias este seu post e creio que comentei, mas a verdade é que não vejo nada... será que os comentários desaparecem?
Boa semana.
Beijos.

Taís Morais disse...

Saudades de ti,minha amiga querida!

te beijo

Ashera disse...

(A sensação é o assunto
Sinto o pensamento
Mas não posso saber que sinto
Sinto um acontecimento
Não sinto a sensação sentimento
Só se a sentisse eu poderia saber que sinto
Mas se sinto que sinto,
Também sinto que sinto que sinto….)

O Poema está brilhante,,
Direi até que afinal há esperança, onde se "pensou" perdida!!!
Beijos a ti