sexta-feira, setembro 01, 2006

*PARABENS PARA TAIS*(Cont) E GRATA A MEUS AMIGOS*

_PINTURA DE *MAAT*
*FRAGMENTOS DE SOL**
_Acrilico sobre Papel)










*ROSAS, e...PEROLAS, PARA MINHA AMIGA TAIS*

Elas, as fotos, deveriam ter ficado aqui, no dia do aniversario dela (27/08) mas, nao sei porque "manhas", eu nao consigo, de ha' um tempo a esta parte, colocar as fotos nas postagens (em conjunto!)!

AQUI FICAM AS PEROLAS (sem Lagrimas...) E AS ROSAS, PARA OUTRA *ROSA*_VERMELHA_ QUE MERECE *PEROLAS* E FLORES*!!!!!!!!

E... aproveito a boa vontade da "maquina", neste momento, para adicionar aqui OUTRAS FLORES*, no caso, umas lindissimas, que uma nao menos linda AMIGUINHA, me ofereceu ontem, atraves da sua Pagina no Multiply:*ELSINHA*, seu nome! Aqui fica a beleza das flores e a do seu gesto AMIGO!

E... por falar em gesto AMIGO*, permito-me adicionar tambem, UM POEMA escrito pela mao e coracao de meu Bom Paciente e generoso AMIGO_HENRIQUE_!

Estamos mais habituados a ler a Sua Excelente e, as vezes "corrosiva", PROSA; mas, Ele, tambem tem alma de POETA:_ ja' e' um lugar comum, os PORTUGUESES terem Alma e Coracao _Cerebro e Mao_ de POETAS_! Ora, aqui fica mais *UM*_HENRIQUE SOUSA_!

_OBRIGADA MEU AMIGO POR TUDO QUE ME TEM OFERECIDO_!!!

E... para fechar com "Chave de Ouro", Enfeito este meu humilde espaco, tentando retribuir de algum modo VOSSO CARINHO E ATENCAO, com algumas OBRAS DE *MAAT* (Tenho mais por ai' espalhadas e no meu outro espaco no Multiply!).

Naturalmente, que minha tambem querida AMIGA que TODOS bem conhecem como PINTORA E POETISA, dispensa ser novamente apresentada e, e' com anterior PERMISSAO DELA, que publico SEUS TRABALHOS!_GRATA, MINHA AMIGA_!

Abraco-VOS!
Heloisa.
************

*POEMA DE HENRIQUE*
*******************

PIETÁ (em verso)

Ninguém me prometeu nada,
Porquê estar, então, desiludido?
Nunca ninguém me terá garantido
Que a vida ia ser assim... ou assada,
Ela apenas acontece, danada!

Vulgarmente, quando nós medramos
Lidando com muitas vidas de estranhos,
Imaginamos a nossa plena de igualdade
No que tange a sua aprazibilidade
Segurança, beleza, no fundo, felicidade.

Também conhecemos vidas estragadas
E presenciámos acidentes, mortes, partidas,
Crimes, traições, desgraças variadas
Com pessoas conhecidas e desconhecidas,
E até nós próprios levámos cacetadas

Mas a vida vai se compondo,
Refazendo, ou contrapondo,
Sempre esta teimosia de viver
De superar crises sem dissolver,
Desejar momentos livres de sofrer.

A desgraça cai no olvido,
Novos sonhos se vão acalentando,
Novas esperanças, novo conteúdo
Para continuar esperando, esperando...
Por que razão vivemos da espera sem sentido?

É da morte, principalmente, da morte
A espera em que estamos treinados
Esperamos morrer sem negativos legados,
Que os paridos e crescidos tenham mais sorte
Para continuar a sua espera mas abastados

Somos, na verdade, optimistas em demasia
O pessimismo só nos invade quando, olhando em redor,
Vemos que a vida, ao invés de ter melhoria
Pelas conquistas da ciência e da tecnologia,
Se torna cada vez mais um horror.

Claro que não toca a todos, dirão.
Sim, é verdade, mas envolve uma imensa multidão
Nada nem ninguém as livrará da privação.
É motivo para acabar dizendo, padrescamente:
Que Deus tenha piedade da sua gente!

***********************************************OBRIGADA HENRIQUE!
E... *SETEMBRO E' CHEGADO*_MES AMADO, MES "ODIADO"!!!

A TODOS OS MEUS AMIGOS E LEITORES MEU ABRACO!E...perdao por minha lentidao em caminhar para vossos JARDINS, DE PALAVRAS E IMAGENS, FLORIDOS!!!!!!!

H.
*******

2 comentários:

Henrique disse...

Querida amiga, neste nosso nicho blogosférico onde somos muito poucos ainda, reconheço muitos talentos e espero poder contribuir para a sua divulgação. Mais acima vejo obras de arte excepcionais, e pergunto-me porque mereço estar aqui. «Eu, génio? Em todos os manicómios existem doidos com tantas certezas... E eu que não tenho certeza nenhuma, serei mais certo ou menos certo?»
Obrigado!

Menina_marota disse...

Ah... como adorei ler este Poema, que também tive o privilégio de colocar no meu cantinho e ofertá-lo a todos os que me dão a honra de o ler.

Um abraço carinhoso minha querida Heloísa e mil felicidades em toda a sua Vida ;)